01 abril 2014

TOP 5 - Escritores brasileiros que valem a pena conhecer!


Não sei vocês, mas acho que a leitura é essencial para o ser humano. Não importa se você lê um livro de três mil páginas ou uma reportagem de duas páginas, acho que se você lê um pouco todo dia, já é o bastante!
Agora me diz, quando você não lê pelo menos uma página de qualquer coisa que seja, vocês não sentem um vazio? Parece que existe alguma coisa faltando ou que estão sugando a sua inteligência, afinal se acostumar com o comum e com o que se tem apenas na televisão e na internet às vezes pode deixar essa sensação.
Então para deixarmos um pouquinho a televisão e o computador de lado, que tal ler um bom livro? Para começarmos bem, selecionei algumas referências de literatura brasileira e isso inclui atuais e verdadeiros clássicos!
Sai da frente dessa tela meu filho e vai ler um livro!


5.Clarice Lispector
Clarice Lispector não é brasileira, mas foi naturalizada aqui e declarava-se pernambucana! Escritora e jornalista nascida na Ucrânia, Clarice é até hoje lembrada por todos, mas ao contrário de muitas pessoas não acho o livro "A hora da Estrela" um dos melhores dela, na verdade nem gosto, talvez seja trauma da escola, mas recomendo o "A Via Crucis do Corpo", bem melhor!


4.Paulo Coelho
Paulo Coelho é um escritor, letrista e jornalista brasileiro. Nem precisava de toda essa descrição, afinal pessoas que são eleitas a mensageiro da paz pela ONU e ocupa a 21º cadeira na Academia de Letras Brasileira, geralmente são um tanto conhecida pelas pessoas, mas se você já leu "Veronika Decide Morrer" saiba que ele já até recebeu até adaptação cinematográfica, que alias, super recomendo!


3.Pedro Gabriel
Pedro é novo na parada, mas já é um grande sucesso na internet. Ele junta ilustrações e poemas um tanto sinceros, de uma forma perfeita! Aí você me pergunta, porque ele está aqui então?
Respondo dizendo que pessoas assim merecem ser conhecidas, Pedro Gabriel é filho de uma brasileira com um suíço. Passou a maior parte da sua infância sem muitos amigos e encontrou na leitura e em suas ilustrações, uma forma de se preencher. Hoje formado em publicidade é um grande sucesso também na literatura!

2.Andre Vianco
Para mim é um dos meus maiores orgulhos, afinal o André é da cidade onde moro, Osasco. E saber que tem um escritor tão bem conhecido e que é de onde moro, me faz acreditar que sonhos são feitos para serem realizados! André Vianco nasceu em São Paulo, mas foi criado em Osasco, suas obras sobrenaturais misturam terror, suspense, fantasia e romance em histórias que geralmente envolvem o tema Vampiros.


1.Machado de Assis
Realmente preciso falar sobre ele? Joaquim Maria Machado de Assis não foi apenas um escritor brasileiro, mas sim, um dos maiores nomes da literatura brasileira. Afinal quem nunca ouviu falar de Capitu e Bentinho?

Qual é o seu favorito? Se ele não está na lista, conta para nós! Comente.

Pin It Now!

27 março 2014

Explicações sobre a minha ausência e o Hair Brasil 2014!


Como vocês podem perceber ando meio que ausente do blog, a página que era atualizada praticamente todos os dias, hoje tem duas atualizações por semana.
Mas tenho explicações justas, nos últimos dias resolvi tirar a carteira de motorista e para passar na prova do CFC, acredito que tenha que estudar o bastante para não correr o risco de nem ao menos acertar menos de 21 questões. A minha casa também está em reforma e nos últimos meses andei prestando alguns concursos bem importantes, acho que isso pode ser considerado uma nova fase pra mim!
Ainda estou me organizando quanto ao meu tempo, estipulando horários e colocando metas. Está uma loucura, mas nada que não consiga lidar.
Em meio a tantas mudanças recebi a notícia de que farei a cobertura do Hair Brasil desse ano, graças a uma parceria que o blog tem com a empresa Bel Col Cosméticos . Será o primeiro evento que vou em parceria com uma empresa, confesso que estou bem ansiosa porque desde muito nova sempre imaginei fazendo isso, mesmo não sabendo ao certo o queria da vida! (conto mais detalhes sobre o evento nos próximos posts!)
A minha saúde? Ela está muito bem, continuo usando oxigênio durante a noite e por pequenas horas ao dia, às vezes bate aquele desespero: "Ai meu Deus... Preciso fazer uma faculdade, comprar um carro, adotar um cachorro, entrar em um curso de inglês, arrumar um emprego, fazer novos colegas, encontrar a minha metade da laranja (ou quase isso), economizar para comprar uma câmera, pensar em comprar uma bicicleta, plantar uma árvore ..."
Mas acho que isso é normal, quer dizer, isso é o que as pessoas costumam dizer em situações semelhantes!

Leia esse texto ouvindo essa música: 


Espero que tenham paciência e aos pouquinhos o blog vai voltando ao normal! Comente.

Pin It Now!

26 março 2014

São Paulo: Mercado Municipal de São Paulo


No final do ano passado fui ao Mercado Municipal de São Paulo, levando minha câmera compacta digital e com a vontade louca de conhecer mais um canto de São Paulo.
É engraçado dizer isso, mas às vezes moramos na cidade há anos e nos tornamos turistas dela. Afinal, são tantos lugares para conhecer e tanta falta de tempo, que arrumar uma horimha para visitar todos esses lugares fica um pouco difícil.
Meu único objetivo de ir ao mercado era simplesmente comer o sanduíche de mortadela tão falando nos quatro cantos desse nosso Brasil, não existe outra explicação e não vou mentir dizendo que fui conhecer a arquitetura do lugar, apesar de ser mágica e o lugar ser incrível!
O mercado que por sua vez existe há 81 anos, já foi escolhido por muitas vezes como o símbolo de São Paulo. Com mais de 272 stands das mais variadas especialidades, de peixaria a loja de cervejas, faz a gente querer levar tudo para casa ou experimentar tudo das barraquinhas. Lá também existe um mezanino, onde há bares e restaurantes de diversas nacionalidades. Na minha humilde opinião recomendo que você coma o sanduíche de mortadela do Hocca Bar, coma também o pastel de bacalhau (que é gigante) do mesmo bar, passe na cervejaria Santa Therezinha para conhecer cervejas de diversos países (tem até cerveja de chocolate) e compre pelo menos uma fruta que você nunca comeu em sua vida!





O dia em que fui no mercado estava chovendo, mas queria ter muito tirado foto da parte externa, mas infelizmente não teve como, ah... se você é desses que adora fazer umas comprinhas na 25 de Março, dá para ir tranquilamente de pé nos dois lugares! Só sair pedindo informação para os policias que se encontram na rua, eles são super gentis, os quais fornecem a direção de como chegar no local!

Já conhecia o Mercado Municipal? Já comeu o sanduíche mais famoso de mortadela de Sampa? Comente.

Pin It Now!

24 março 2014

Para Assistir: Questão de Tempo

Filmes que deixam uma lição positiva para mim são os melhores. Não precisam ser românticos ou ter aquele seu ator favorito, o importante é que depois de assisti-lo você tenha algo dele para levar para a vida.
Esses dias a procura de assistir um filme bem tranquilo, do tipo que você não precisa pensar muito para entender a historia, encontrei "Uma Questão de Tempo", com a maior certeza do mundo que era aquilo que estava procurando! Uma história romântica, engraçada que ao final eu diria "Ok, acabo, apenas mais um filme fofo da Rachel McAdams!", mas não foi isso que aconteceu!


A história dele é mais ou menos assim, ao completar 21 anos, Tim é surpreendido com a notícia dada por seu pai de que pertence a uma linhagem de viajantes no tempo, ou seja, todos os homens da família conseguem viajar para o passado, bastando apenas ir para um local escuro e pensar na época e no local para onde deseja ir. Cético a princípio, Tim logo se empolga com o dom ao ver que seu pai não está mentindo. Sua primeira decisão é usar esta capacidade para conseguir uma namorada, mas logo ele percebe que viajar no tempo e alterar o que já aconteceu pode provocar consequências inesperadas.


A sinópse pode parecer como qualquer outro filme que você já ouviu falar, mas qualquer semelhança é mera coincidência. O que acontece nessa história é bem diferente do comum, você se apega aos personagens e aos seus pequenos detalhes, a ponto de torcer pela vida da personagem que parece perdida na vida, mas que ama a cor lilás. 
About Time (Mas uma vez bingo, para quem faz essas traduções para título de filme!) é o tipo de filme que você acredita ser o mais feminista possível, mas que no fim te ensina que viver é contemplar as belezas que ela pode nos proporcionar e que não adianta querer voltar no tempo para corrigir nossos erros, talvez isso até resolva alguns problemas, mas a graça mesmo é viver como se cada momento fosse único. Parece arriscado? Parece, mas qual é o problema?
Antes de mais nada um VIVA ao Domhnall Gleeson, o personagem principal ruivo mais fofo dos últimos tempos!


Já assistiram o filme? O que acharam da história? Comente.

Pin It Now!

18 março 2014

Umectação para a hidratação de (quase) todo tipo de cabelo!



Atendendo a pedidos, sobre como cuidar dos nossos cabelos independente de serem ou não cacheados, hoje vou ensinar como fazer uma hidratação com azeite, que é bem fácil. 
Chamada de umectação, esta hidratação é super recomendada, também, para quem está passando pela transição capilar (abandonando a progressiva e assumindo o seu cabelo natural) ou quem tem os cabelos ressecados, tingidos, quimicamente tratados, cabelos crespos, cacheados e afros, ou seja, para quem não tem uma oleosidade equilibrada no cabelo.
Caso você já tenha um cabelo oleoso, sem problemas, mas você já pode parar de ler por aqui!
Porém, caso você não tenha certeza disso, depois que você fazer a umectação pela primeira vez e o seu cabelo ficar oleoso, isso significa que esse tratamento não é tão bom pra você e o certo mesmo é passar longe e não fazer nunca mais.
A umectação é baseado na hidratação do cabelo através dos óleos de coco, azeite extra virgem (sim aquele que você usa na salada) ou de óleo de rícino (mais conhecido como óleo de mamona), mas tem gente que passa todos eles juntos, o que não deixa de ser certo.

Porque eu não posso passar óleo de girassol no meu cabelo, ao invés do azeite?
O óleo de girassol ou até o de soja, que no caso é o óleo mineral (aquele a sua mãe usa pra frita coxinha), sim, já vi muita gente ensinando passar óleo mineral no cabelo pra fazer umectação, mas já te dou um toque: não faça isso!! Primeiro que você vai lavar eternamente o seu cabelo e vai parecer que o óleo nunca mais vai sair dele, sem contar o cheiro insuportável que você vai ficar. Então não, por favor não, todos os óleos que você vai passar no seu cabelo tem que ser vegetais e no caso do azeite tem que ser EXTRA virgem.

Qual a quantidade de óleo passo no cabelo?
A quantidade varia de acordo com o tanto de cabelo que você tem, não posso falar, "Ah... usa uma colher ou a quantidade de encher a palma da sua mão, em todo o cabelo!", não porque isso depende do seu cabelo e da sua noção. No meu caso, o meu cabelo é fino e pouco, então eu passo menos, mas a quantidade que acho que o cabelo ficou "ok" e nem muito pesado. Depende de você, cada um coloca a quantidade suficiente no cabelo.

Como fazer a Umectação?
Caso você for fazer a umectação com o azeite, você tem que aquecer ele, porque tem que ficar bem morninho, não, não me vai fritar o azeite e passar no cabelo. Repito, tem que ficar morninho o bastante para você pegar o azeite na mão sem se queimar, nem nada do tipo. Porque tem que fazer isso? Para ativar algumas propriedades do azeite. 
Os outros óleos como o de coco ou o de mamona, não precisam ser aquecidos. Depois que você passar a quantidade suficiente em todo o cabelo (mecha por mecha), você pode deixar por 30 minutos ou passar antes de dormir e tirar durante a amanhã. Isso você escolhe também, depois que escolher quais dos métodos você vai fazer, é só lavar como de costume. 

Quantas vezes por semana faço a Umectação?
Uma vez por semana, tem gente que faz duas vezes por semana, mas isso varia de acordo com o tipo de cabelo, se você acha que uma vez deixa o seu cabelo bom, faça só uma, se acha que precisa de mais vezes, faça como achar melhor. Você também pode incluir a umectação no cronograma capilar (que você pode conhecer aqui).

Meu cabelo vai ficar cheirando mal por causa dos óleos?
Não vai, para de loucura! Na hora de lavar, você passa o shampoo umas duas ou três vezes e eu garanto que não vai ficar com mal cheiro. 

É isso gente, se vocês tiverem alguma dúvida, é só me perguntar nos comentários. Quero saber como foi a experiência de vocês! Comente.

Pin It Now!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...